Advanced Search Ver o carrinho
Seu carrinho está vazio.

Karaokê L'appuntamento - Ornella Vanoni

Esta música é uma versão de L'appuntamento, popularizada por Ornella Vanoni

Formatos incluídos:

CDG (MP3+G)
MP4
KFN
?

O formato CDG (também chamado de CD+G ou MP3+G) é adequado para a maioria das maquinas de karaokê. Ele inclui um arquivo MP3 e a sincronização das letras.

É possível reproduzir arquivos mp4 num Mac OS X e Windows 7 por definição. Caso você use Windows XP ou Vista, voce precisa ter o Windows Media Player 12.

O programa KaraFun Player lê esse formato, você pode baixar grátis. Esse eficiente formato pode armazenar múltiplas trilhas de audio adicionais e um fundo que se movimenta no ritmo da música.

Com sua compra, você poderá baixar o vídeo quantas vezes quiser em todos esses formatos.

Sobre

Com coros (com ou sem vozes na versão KFN)

Tempo: variável (aproximadamente 112 BPM)

Tonalidade idêntica ao original: Dó, Ré♭, Ré, Mi♭

Duração: 04:38 - Visualizar: 01:28

Ano de lançamento: 1970
Estilos: Músicas de amor, Pop, Em italiano
Autor Original: Roberto Carlos, Erasmo Carlos
Adaptador: Bruno Lauzi

Todos os arquivos disponíveis para download são playbacks, e não as músicas originais.

Letra L'appuntamento

Ho sbagliato tante volte ormai che lo so già
Che oggi quasi certamente
Sto sbagliando su di te
Ma una volta in più che cosa può cambiare
Nella vita mia
Accettare questo strano appuntamento
È stata una pazzia
Sono triste tra la gente che mi sta passando accanto
Ma la nostalgia di rivedere te è forte più del pianto
Questo sole accende sul mio volto
Un segno di speranza
Sto aspettando quando ad un tratto ti vedrò spuntare in lontananza
Amore fai presto
Io non resisto
Se tu non arrivi non esisto
Non esisto
Non esisto
È cambiato il tempo e sta piovendo
Ma resto ad aspettare
Non m'importa cosa il mondo può pensare
Io non me ne voglio andare
Io mi guardo dentro e mi domando
Ma non sento niente
Sono solo un resto di speranza
Perduta tra la gente
Amore è già tardi e non resisto
Se tu non arrivi non esisto
Non esisto
Non esisto
Luci, macchine, vetrine
Strade tutto quanto
Si confonde nella mente
La mia ombra si è stancata di seguirmi
Il giorno muore lentamente
Non mi resta che tornare a casa mia
Alla mia triste vita
Questa vita che volevo dare a te
L'hai sbriciolata tra le dita
Amore perdono ma non resisto
Adesso per sempre non esisto
Non esisto
Non esisto
Da va da va da va da va da
Va da va da
Da va da va da va da va da
Va da va da
Da va da va da va da va da
Va da va da
Da va da va da va da va da
Va da va da
Da va da va da va dei e den de
Ve de ve di e

Qualquer reprodução é proibida

Assinalar um erro na letra

Enviar Cancelar